background img
2522e6018793fef4858b20de15210c7d

Governador discute instalação de empreendimento atacadista no estado

Durante o encontro, o empresário do Grupo Caçula apresentou as necessidades para a construção do galpão e, diante das condições físicas necessárias, serão sugeridos os locais mais adequados para a sua implantação

O governador Jackson Barreto se reuniu, na manhã, desta quinta-feira, 26, com o empresário Marco Antônio Castro, do grupo Caçula, sobre possível instalação de empreendimento no estado. Durante o encontro, o empresário apresentou as necessidades para a construção do galpão. Ficou acertado que a equipe técnica do governo irá sugerir os locais mais adequados para implantação da empresa. A reunião foi acompanhada pelo deputado estadual Zezinho Guimarães e pelo diretor-presidente da Codise, Eugênio Dezen.

“Estou muito satisfeito em participar desse pontapé inicial para a geração de novos empregos para o nosso povo. Toda empresa que se instala em nosso interior representa mais renda e qualidade de vida para os moradores. Deixei claro aos responsáveis que podem contar com o nosso governo. O que nós pudermos fazer para auxiliar, nós faremos”, declarou o governador Jackson Barreto.

Para o empresário Marco Antônio Castro, do Grupo Caçula, a localização geográfica de Sergipe, próximo a grandes mercados consumidores do Nordeste, foi determinante para escolha do Grupo pelo estado.

“Viemos conhecer o governador para que possamos realizar uma parceria. Estamos na fase de estudo do empreendimento. Nós estamos procurando a localidade para instalação e viemos discutir a possibilidade de um local onde pode ser feito. Queremos investir no Nordeste, com Sergipe como base para fazer a distribuição. Portanto, vamos procurar a área e acredito que, depois disso, dentro de 60 dias iremos iniciar a obra”, explicou.

Emprego 

Segundo Eugênio Dezen, diretor presidente da Codise, a expectativa é que o empreendimento possa aquecer ainda mais a economia e gerar novos empregos para a região.

“Esta empresa pretende expandir os seus negócios de maneira mais forte no Nordeste. Estamos mostrando a potencialidade de Sergipe para receber esse empreendimento e os convencendo de que a melhor opção é se instalar aqui. Nos já estivemos no Porto, com o secretário da Fazenda, e com Banco do Nordeste. Para o nosso estado, isso significa a dinamicidade na economia, a ampliação dos empregos, criação de novas oportunidades. Quando uma grande empresa se instala, geralmente, vem com várias empresas satélites, transportadoras, distribuidoras, outros negócios paralelos e vinculantes”, ressaltou.

Grupo Caçula

Criada em 1982, como uma pequena loja de botões, o grupo Caçula cresceu e se tornou uma empresa conceituada e com lojas no Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo. Hoje, o Grupo atua no atacado dos setores de aviamentos, material para escritório, suprimentos de informática, artesanato, desenho, pintura e tecidos.

 

Via ASN

Tags relacionadas
Veja também
Comentários

Comentários encerrados!