background img
arma

Operação da PC prende sete pessoas envolvidas na morte de líder sindical na Barra dos Coqueiros

Líder sindicalista Clodoaldo dos Santos Melo, mais conhecido como Barriga, foi morto em dezembro do ano passado.

Uma operação realizada pela Polícia Civil na manhã desta sexta-feira (23) prendeu sete pessoas, na região da Grande Aracaju, envolvidas na morte do líder sindicalista Clodoaldo dos Santos Melo, mais conhecido como Barriga, em dezembro do ano passado.

Segundo a delegada Thereza Simony, responsável pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), a morte de Clodoaldo teve relação com sua atuação sindical. “O grupo que foi preso estava contrariado com a forte atuação do Clodoaldo com o movimento sindical e isso motivou a morte dele”, disse a delegada.

De acordo com William Melo, o irmão da vítima, as prisões deram um grande alívio para a família. “Pedimos tanto por justiça e pela resolução do caso do meu irmão, que agora que essas prisões aconteceram nós da família e também os amigos ficamos aliviados”, contou.

Os mandados foram cumpridos pelas equipes do DHPP e outras unidades especializadas da Polícia Civil. A operação contou com 40 policiais civis e resultou na prisão de sete pessoas, munições e drogas.

Maiores detalhes da prisão serão dados em uma coletiva de imprensa a ser realizada na tarde desta sexta-feira (23).

Via G1 SE

Tags relacionadas
Veja também
Comentários

Comentários encerrados!