background img
b23b8f91d438b608e232c20750106ede

Especial Aracaju: Investimentos em mobilidade irão facilitar a vida de quem mora na capital

As obras em andamento na avenida Euclides Figueiredo, na Zona Norte, e na Gasoduto, na Zona Sul, são apenas alguns exemplos que demonstram o compromisso do governo do Estado

Anderson Souza Melo tem 26 anos, é comerciante e trabalha no bairro Inácio Barbosa, Zona Sul de Aracaju. Seu ponto de vendas é próximo de onde se concentram as máquinas e os operários responsáveis por uma das maiores obras em atividade na capital: a interligação das Avenidas Gasoduto e Augusto Franco. Segundo Anderson, a obra é motivo de alegria para quem mora e trabalha na região.

“Aqui hoje em dia é uma lama, ninguém consegue passar, é uma poeira muito grande. Com a obra a gente sabe que vai ficar tudo bem depois, liso, sem buraco”, diz. Anderson é um dos milhares de aracajuanos que vem se beneficiando das intervenções conduzidas pelo governo de Sergipe em prol da mobilidade urbana. E as obras não estão só na Zona Sul. Da Zona Norte à Zona de Expansão, todos os cantos da capital são foco dos investimentos.

Interligação

A interligação das avenidas Gasoduto, no Conjunto Orlando Dantas, e Augusto Franco, conhecida como Rio de Janeiro, está sendo executada por meio da Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinfra). Com ela está sendo criada uma via estratégica, que irá desobstruir o trânsito da região e construir novas percepções acerca do espaço na capital. A obra corresponde a um investimento de aproximadamente R$ 67,4 milhões.

O objetivo é ampliar a malha urbana da cidade e reduzir o intenso tráfego de veículos nas duas principais avenidas da região, a Heráclito Rollemberg e a Tancredo Neves. A obra também dialoga com localidades como Sol Nascente, Santa Lúcia e Juscelino Kubistchek.

A intervenção vai contemplar a implantação de uma via com duas pistas duplas, interligando não só a Gasoduto e a Augusto Franco como todos os seus acessos, inclusive com a construção de duas pontes sobre o rio Poxim. O projeto inclui ainda a construção de canteiro central e ciclovia, iluminação central e passeio para pedestres.

Dos R$ 67,4 milhões que estão sendo investidos na obra, R$ 43.444.425,39 são recursos oriundos do Programa de Infraestrutura e da Mobilidade Urbana (Pró-Transporte). Será aportado pelo governo do Estado, através do CPAC/Pró-Transporte, aproximadamente R$ 24 milhões para as desapropriações necessárias à execução da obra.

Euclides Figueiredo

A Avenida Euclides Figueiredo, Zona Norte de Aracaju, também está sendo contemplada pelos investimentos do governo de Sergipe. Localiza no Porto D’Anta, a via vem sendo duplicada e cercada com uma área de lazer. O investimento é superior a R$ 35 milhões. Entre outros benefícios, a obra possibilita o amplo acesso aos conjuntos Marcos Freire e João Alves, além de trazer incrementos estéticos e de entretenimento.

Os trabalhos da duplicação se iniciam no final da Avenida Tancredo Campos e consistem na ampliação da via para uma largura de nove metros. A avenida contará com sinalização horizontal e vertical e semipórtico para demarcação. Somente na duplicação o investimento é de R$ 23.113.648,78, com recursos do Pró-Transporte. Considerando o binário da Euclides Figueiredo e Tancredo Campos, a substituição do emissário de esgoto da Avenida Tancredo Campos e a urbanização da Avenida João Rodrigues, o investimento sobre para de R$ 27 milhões.

Ao lado da pista será construída uma área de lazer no valor de R$ 8.466.149,76, que conta com recursos do Programa de Apoio ao Investimento dos Estados (Proinveste). O espaço será equipado com uma ciclovia que irá se encontrar com as já existentes nas avenidas Tancredo Campos e João Rodrigues.

A área contará, ainda, com pista de corrida, três quadras de vôlei de areia, três quadras poliesportivas, dois parques infantis, um campo de futebol society, dois quiosques para venda de cocos, uma rampa de skate, 12 quiosques para convivência, um posto de saúde, dois postos policiais e três estacionamentos.  Rampas de acessibilidade e piso táctil também serão instalados.

João Rodrigues

Foi concluída na última terça-feira, 13, a pavimentação asfáltica do terceiro trecho de 14.000m² da Avenida João Rodrigues no valor de R$ 1.529.813,15. Este trecho faz parte do corredor viário que compreende a duplicação da Euclides Figueiredo e o binário entre as avenidas Euclides Figueiredo e Tancredo Campos. Está inclusa no projeto, ainda, a urbanização da João Rodrigues.

Nesta avenida foram executados 7.000m² de passeios e 3.000m² de ciclovia, além de recapeamento asfáltico foi feito com 3,5m² de largura.

Tancredo Campos

Somando-se às avenidas Euclides Figueiredo e João Rodrigues, as obras da avenida Tancredo Campos compõem o viário e urbano da Zona Norte. As obras na Avenida Tancredo Campos correspondem ao alargamento em toda a sua extensão, compreendendo 1.378 metros. A avenida, que conta com 86 toneladas de pavimentação asfáltica e 3.131 metros de meio-fio, passou a ser de mão dupla, com nove metros de pista de rolamento.

O projeto incluiu uma ciclovia em concreto pigmentado com 3.097,16 m² de extensão e 2,5 metros de largura, além de 140 m² de passeio com 2,5 metros de largura. Foram implantadas rampas de acesso e aplicados 60,50 m² de piso tátil.Completando os serviços, no início da avenida foi construído um pequeno canteiro e ainda implantados guarda-corpo metálico, placa de sinalização refletiva e semi-pórtico para sinalização rodoviária. Outras medidas foram o remanejamento do emissário de esgoto e a cobertura do canal que corta toda a avenida, com 2,40 metros de largura e 1 metro de profundidade.

Lauro Porto

A nova entrada de Aracaju, localizada na avenida Dr. Lauro Porto, é outra intervenção de destaque. A obra integra a reconfiguração da avenida Santa Gleide e a ciclovia Djalma Cruz e é fruto de um investimento no valor de R$ 26.946.880,81 do programa Sergipe Infraestrutura.

A avenida Lauro Porto se estende por 4 quilômetros, com 28 metros de largura. São duas pistas duplas com quatro faixas de rolamento com largura de 3,5 metros, cada, e acostamentos de 2 metros. O canteiro central mede 6 metros, dividindo espaço com a ciclovia de 3 metros. Já os passeios laterais têm 2 metros cada. A via é totalmente iluminada por postes de 16 metros, com quatro pétalas. Essa configuração deu ao local o status de ponto de prática de exercícios.

A reconfiguração da Santa Gleide consistiu de recapeamento asfáltico, implantação de calçada com dois metros e de divisória central da pista, além da ciclovia Djalma Cruz. A obra correspondeu a um investimento de R$ 1.092.882,95.

Com as obras, um corredor em direção ao centro da capital foi formado. As rodovias interligam o entroncamento das BRs 101 e 235, no município de Nossa Senhora do Socorro, às avenidas Santa Gleide, Maranhão e Coelho e Campos.

Centro Administrativo 

Há um ano, o governo do Estado entregou à população aracajuana o sistema viário do Centro Administrativo Governador Augusto Franco, na Zona Oeste de Aracaju. A obra, um investimento de R$ 18.726.873,43, foi realizada com recursos do Proinveste. O moderno sistema viário facilita o acesso às repartições da área e encurta as distâncias para quem se desloca da BR 235 e da avenida Tancredo Neves para a Marechal Rondon. A via possui 11 quilômetros de extensão.

Dividido em 18 eixos, os serviços executados no sistema viário corresponderam à restauração conforme sua concepção inicial, recuperação do sistema de iluminação, drenagem, pavimentação e implantação de novas ruas, avenidas, acessos e rotatórias. O eixo principal é a Avenida Dr. Carlos Rodrigues Cruz, que funciona como um corredor para ônibus, com pistas de rolamento duplas. Todas as vias possuem calçadas para segurança e deslocamento de pedestres e sinalização horizontal e vertical.

Aeroporto

Mais uma ação do governo de Sergipe são as obras do sistema viário no entorno do Aeroporto Santa Maria. O complexo viário interliga a região com a Zona de Expansão e permite o deslocamento dos moradores dos bairros Aruana e Santa Maria, dos conjuntos Augusto Franco e Santa Tereza e do residencial Vila Verde.

Com investimento de R$ 24.387.664,22, o sistema compõe o conjunto de obras realizadas para a ampliação do Aeroporto Santa Maria, que incluem ampliação da pista de pouso e decolagem e a construção do novo terminal de passageiros.

Os serviços executados contemplaram a duplicação e iluminação das avenidas partindo da Avenida José Menezes Prudente passando pela Avenida Padre Arnóbio e desembocando na Avenida Alexandre Alcino. O complexo tem 8.760 metros de extensão. Já a segunda etapa do sistema viário do entorno do Aeroporto compreende o trecho entre as avenidas Júlio César Leite e Hildete Falcão.

 

Via ASN

Tags relacionadas
Veja também
Comentários

Comentários encerrados!