background img
policia civil

Cem policiais, 22 mandados de prisão e 24 de prisão

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Riachuelo, deflagrou nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira, 25, uma operação, intitulada Geminus, visando desarticular uma organização criminosa responsável pela prática de diversos crimes, entre eles, homicídios e tráfico de drogas no município de Riachuelo e região do Baixo Cotinguiba.

A ação coordenada pelo delegado João Martins, decorrente de aproximadamente oito meses de investigação, tem como os principais alvos, os irmãos gêmeos Diego e Diogo Bonfim. Eles são acusados de chefiar essa organização criminosa.

Um total de 100 policiais civis participam da operação. O efetivo é composto por delegados e agentes do Centro de Operações Policiais Especiais (COPE), Departamento de Narcóticos (Denarc), Grupo Especial de Repressão e Busca (GERB), delegacias do interior, sob a coordenação da Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (COPCI) e Coordenadoria de Polícia Civil da Capital (COPCAL), para o cumprimento de 22 mandados  de prisão e 24 de busca e apreensão.

Participam também da operação equipes da Polícia Militar do município de Riachuelo, da Companhia Independente da PM de Laranjeiras e do Grupamento Tático Aéreo (GTA).

Até o momento, 13 pessoas foram presas, além de armas de fogo, drogas e munições apreendidas.

A SSP acaba de informar (7h30), que 18 pessoas já foram presas, entre eles Diego e Diogo, os líderes do grupo criminoso, segundo as investigações.

Tags relacionadas
Veja também
Comentários

Comentários encerrados!