background img
belivaldo

Irritado com a Energisa, Belivaldo diz que é preciso respeitar o estado

O governador do estado Belivaldo Chagas (PSD) mostrou-se muito indignado com o que ocorreu no inicio da manhã desta quarta-feira (27), quando a Energisa cortou o fornecimento de energia de alguns órgãos do estado.

Logo após o corte, a empresa restituiu o fornecimento, porém isso acabou irritando o governador que pediu para que “respeitem o estado. A Energisa tem um débito com o estado de cento e sessenta milhões e estamos fazendo um encontro de contas, mas ai ela vai e corta a energia. E é assim é?, questionou o governador em entrevista ao radialista George Magalhães no Jornal da FAN.

Belivaldo Chagas afirmou que assim que tomou conhecimento do que estava acontecendo, tentou entrar em contato com o presidente da Energisa, mas segundo o governador, o presidente da empresa não o atendeu. “Tentamos falar com ele por telefone mas ele não atendeu. Não atendia o celular. Talvez fechou a empresa para assistir o jogo, que bom, é um bom brasileiro”, ironizou o governador, afirmando ainda que “não consegui falar com esse cidadão.

O governador quer que o secretário da fazenda se reúna com a Energisa para fazer o encontro de contas. “Eu quero saber quem é que está devendo. O secretário da fazenda, em quem eu confio, diz que há uma dívida de 160 milhões. Eu não vou passar a mão na cabeça de ninguém. Agora a história é outra”, afirmou Belivaldo.

O governador falou também sobre a formação da chapa majoritária e que o seu agrupamento está aguardando uma resposta da vice-prefeita de Aracaju Eliane Aquino, para ser a vice. “Nós fizemos o convite a Eliane e estamos aguardando a sua resposta. Enfim, é preciso aguardar e é isso que estamos fazendo”, afirmou.

Ao ser questionado sobre a possibilidade de Luciano Bispo ser o vice, Balivaldo disse que “Luciano é um amigo e um irmão, mas quero dizer que nunca sentei com Luciano para falar dobre essa assunto. Mas quero dizer que no momento certo sentaremos para conversar.

Ao final da entrevista, Belivaldo falou também sobre o projeto que está na Alese, onde o estado pede autorização para contrair um empréstimo no valor de cem milhões para que seja usado na recuperação de estradas.

Belivaldo afirmou que “nós estamos tentando esse empréstimo junto ao Banco do Brasil, porque essa lenga lenga do Finisa não se resolveu e optamos por esse empréstimo. Na verdade, alguém colocou o dedo lá para que o dinheiro não saísse, mas vamos dar os nomes aos bois no momento certo”, afirmou.

 

Via Fan Fm

Tags relacionadas
Veja também
Comentários

Comentários encerrados!